top of page

Valor inferior a 40 salários mínimos em conta corrente é impenhorável, diz TJ-SP

Via @consultor_juridico | São impenhoráveis os valores até o limite de 40 salários mínimos depositados em conta corrente. Assim entendeu a 28ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo ao determinar o desbloqueio de valores mantidos em conta corrente e aplicação financeira de uma devedora.

Quer ler mais?

Inscreva-se em www.garcezpalha.com para continuar lendo esse post exclusivo.

Assine agora
6 visualizações0 comentário
bottom of page